Ocorreu um erro neste gadget

quinta-feira, 10 de fevereiro de 2011

Na porta da festa!!!

Quando recebemos o convite para uma festa, podemos fazer quatro coisas quando chega a data marcada:
1. Esquecer da festa.
2. Ignorá-lo, fingir que não fomos convidados, agir como se nada tivesse acontecido e não ir.
3. Dar uma passada no local, pesquisar quem foi, olhar da porta e então resolver se entra ou não.
4. Ir e aproveitar a festa.
Enquanto lia a passagem bíblica em Lucas 15; 11-31 "A parábola do filho pródigo", nos versículos 25 e 26, pensei nestas possibilidades sobre o convite da festa.

Os versículos retratam o momento em que o filho mais velho volta para a casa e vê que está tendo uma festa, ele procura saber o que está acontecendo e decide não participar da festa preparada pelo pai em celebração ao retorno do seu irmão, e ainda diz ao pai que não participará e que ele mesmo, que sempre esteve ali, nunca ganhou nenhum cabrito para fazer uma festa com os seus amigos.

Quando Deus nos colocou neste mundo, Ele não nos obrigou a permanecer em sua presença, porém, nos deu o convite para a FESTA que aconteceria em comemoração ao escolhermos ficar com Ele.

Algumas vezes em nossas vidas, esquecemos deste convite, outras ignoramos, mas hoje não sei se podemos dizer que estamos aproveitando a festa. Somos muito egoístas, e digo SOMOS porque eu me conheço bem, quantas vezes nós vemos a festa acontecendo e ao invés de aproveitar, nós resolvemos julgar e reclamar. Quão hipócritas nós somos em cantar sempre que queremos voltar a casa do Pai, para que Ele nos receba de braços abertos e bla bla bla..., enquanto na verdade estamos sendo como o irmão do filho pródigo, dizendo: "-Eu to aqui trabalhando, servindo, sendo bonzinho, indo na igreja e quando "esse ai" que tentou se matar, engravidou a namorada, roubou, usou drogas e etc.. volta tem festa?!"

Quando paro para pensar nisso, percebo que aqueles que ignoram o convite e se perdem no caminho, porém, reconhecem e independente da opinião dos outros, volta, mesmo que humilhados e pedem perdão ao Pai, são muito melhores que aqueles que fingem estar a Seu lado esperando ter recompensa!

Deus ama a sinceridade do nosso coração e espera que nós o adoremos em espírito e em verdade, e se tem uma coisa que eu tenho certeza é que enquanto os "filhos pródigos" viverão a festa de Deus aqueles que agem como o "irmão" assistirão do lado de fora!

Pensando nisso o que você pretende fazer com o seu convite?

Nenhum comentário:

Postar um comentário